Herança dos Grupos Sanguíneos


Confira questões resolvidas sobre a Herança dos Grupos Sanguíneos:

1) (UFJF-MG) - Além do teste de DNA, há exames mais simples que podem ajudar a esclarecer dúvidas sobre paternidade. Por exemplo, o teste de tipagem sanguínea do sistema ABO permite determinar quem não pode ser o pai. Assinale a alternativa que apresenta uma situação em que esse exame assegura a exclusão da paternidade. 
A) O filho é do tipo O, a mãe do tipo O e o suposto pai do tipo A. 
B) O filho é do tipo AB, a mãe do tipo AB e o suposto pai do tipo O. 
C) O filho é do tipo AB, a mãe do tipo A e o suposto pai do tipo B. 
D) O filho é do tipo B, a mãe do tipo B e o suposto pai do tipo O. 
E) O filho é do tipo A, a mãe do tipo A e o suposto pai do tipo B.


2) (FUVEST-SP) - Quando os cônjuges têm sangue do tipo AB, os tipos POSSÍVEIS de sangue dos filhos são apenas 
A) A e AB. 
B) A e B. 
C) A, B e AB.
D) A, AB e O. 
E) A, B e O. 


3) (FUVEST) - Um banco de sangue possui 5 litros de sangue tipo AB, 3 litros tipo A, 8 litros tipo B e 2 litros tipo O. Para transfusões em indivíduos dos tipos O, A, B e AB estão disponíveis, respectivamente: 
a) 2, 5, 10 e 18 litros; 
b) 2, 3, 5 e 8 litros; 
c) 2, 3, 8 e 16 litros; 
d) 18, 8, 13 e 5 litros; 
e) 7, 5, 10 e 11 litros.


4) (FATEC) - Um casal cujo filho é do grupo sanguíneo A, com fator Rh positivo, pode ter os seguintes genótipos: 
a) |A|B Rhrh e |B|B rhrh 
b) |A|A rhrh e |B|B RhRh 
c) |B| Rhrh e ii rhrh 
d) |B|B rhrh e |A|B RhRh 
e) |A|B rhrh e ii Rhrh


5) (FEI-SP) - Nas hemácias de um indivíduo pertencente ao grupo sanguíneo B: 
a) Existe o aglutinógeno B. 
b) Existe o aglutinógeno A. 
c) Existe a aglutinina A. 
d) Existe a aglutinina B. 
e) Existem o aglutinógeno A e a aglutinina B.


6) UCS - Os grupos sanguíneos do sistema MN, caracterizado por dois tipos de aglutinogênios nas hemácias, o antígeno M e o antígeno N, produzem 3 tipos de fenótipos. Assinale a alternativa que corresponde aos possíveis genótipos. 
a) A; AB; O 
b) Ag^M Ag^M ; Ag^M Ag^N ; Ag^NAg^N 
c) Anti-A; Anti-B; Anti-AB 
d) Anti-M; Anti-MN; Anti-NN 
e) Aglutina em contato com antígeno M; Aglutina em contato com antígeno N; Não aglutina


7) (UFV) - Os grupos sanguíneos M, MN e N são determinados por dois alelos. O grupo sanguíneo Rh+ é determinado por um alelo dominante de um outro gene. Um homem do grupo MN e Rh– casa-se com uma mulher do grupo M e Rh–. Que tipo de filhos esse casal pode ter? a) M N e Rh+ Rh–. 
b) MN e Rh–. 
c) M MN e Rh–.
d) M MN e Rh+ Rh–.


8) (UECE) - Com relação à anemia hemolítica podemos afirmar que é uma doença: 
a) Própria de recém-nascidos, adquirida pela incompatibilidade do fator Rh (feto Rh+ e mãe Rh-). 
b) Que causa a morte do feto por incompatibilidade ao grupo sanguíneo AB. 
c) Própria de recém-nascidos, quando o bebê e a mãe são Rh–. 
d) Que causa a destruição dos leucócitos e atrofia as hemácias.


9) (FCMMG) - Um médico patologista realiza exames de sangue e classifica-os em grupos sanguíneos pelo sistema ABO e pelo sistema Rh. Essas classificações são importantes para que as transfusões se façam com sucesso de doadores para receptores no mesmo grupo. O patologista, ao executar os exames, baseia-se no fato de que
A) ocorrerá uma reação do tipo antígeno-anticorpo quando houver incompatibilidade de transfusão entre doador e receptor.
B) indivíduos do grupo A possuem antígeno B em suas hemácias e indivíduos do grupo B possuem antígeno A.
C) indivíduos do grupo O são receptores universais, podendo receber qualquer sangue, por não possuírem nenhum antígeno.
D) indivíduos do grupo AB possuem anticorpos A e B.



10) (UEPB) - A doença hemolítica do recém-nascido, também denominada de eritroblastose fetal, é caracterizada pela destruição das hemácias do feto, que, em caso acentuado, acarreta uma série de conseqüências. Após a descoberta do fator Rh, se constatou que este era o responsável por esta doença. Os estudos levaram à conclusão que a eritroblastose fetal ocorre somente na seguinte situação: 
a) mãe Rh - que gera bebê Rh - . 
b) mãe Rh + que gera bebê Rh - . 
c) mãe Rh - que gera bebê Rh + . 
d) mãe Rh + que gera bebê Rh + .
e) mãe Rh - independente do Rh do bebê gerado.

11) (PUC-MG) - Os esquemas abaixo mostram as possíveis transfusões de sangue tradicionais em relação aos sistemas ABO e Rh.
Pode-se dizer que os tipos sanguíneos mais difíceis e mais fáceis para receber sangue são, respectivamente: 
a) O Rh+ e O Rh–­. 
b) O Rh–,­ e AB Rh+. 
c) A Rh–,­ e AB Rh+. 
d) AB Rh+ e O Rh–.