Pilhas


Confira questões resolvidas sobre as Pilhas:

1) (Ufpr) - Na pilha de Daniell, barras de cobre e zinco se encontram mergulhadas em soluções de sulfato de cobre (II) e sulfato de zinco, respectivamente. As duas soluções estão separadas por uma parede porosa. Sabendo que os potenciais-padrão de redução são: 
Cu+2(aq) + 2e– → Cu(s) E0 = + 0,34 
Zn+2(aq) + 2e– → Zn(s) E0 = -0,76 V 
a) Escreva as reações espontâneas que ocorre na pilha de Daniell. 
b) Calcule a diferença de potencial da pilha. 
c) Desenhe a pilha de Daniell indicando, através de setas, como os elétrons fluem através de um circuito externo que conecta os eletrodos.


2) (Fuvest) - Numa pilha do tipo comumente encontrado nos supermercados, o pólo negativo é constituído pelo revestimento externo de zinco. A semi-reação que permite ao zinco funcionar como pólo negativo é: 
a) Zn+ + e-  Zn
b) Zn2+ + 2e-  Zn
c) Zn  Zn+ + e-
d) Zn  Zn2+ + 2e-
e) Zn2+ + Zn  2Zn+


3) (Enem cancelado 2009) - Pilhas e baterias são dispositivos tão comuns em nossa sociedade que, sem percebermos, carregamos vários deles junto ao nosso corpo; elas estão presentes em aparelhos de MP3, relógios, rádios, celulares etc. As semirreações descritas a seguir ilustram o que ocorre em uma pilha de óxido de prata. Pode-se afirmar que esta pilha
a) é uma pilha ácida.
b) apresenta o óxido de prata como o ânodo.
c) apresenta o zinco como o agente oxidante.
d) tem como reação da célula a seguinte reação: Zn(s) + Ag2O(s) → ZnO(s) + 2Ag(s)
e) apresenta fluxo de elétrons na pilha do eletrodo de Ag2O para o Zn.


4) (PUC-MG) - Considere a célula eletroquímica, representada pela equação global:
Ni + Cu2+ → Ni2+ + Cu
É correto afirmar que:
a) há desgaste do eletrodo de cobre.
b) o cobre sofre oxidação.
c) o níquel funciona como ânodo.
d) a solução de níquel dilui-se.
e) os elétrons fluem, pelo circuito externo, do cobre para o níquel.


5) (UFRGS-RS) - Pessoas que apresentam dentes com restaurações metálicas podem sentir um pequeno choque ao colocarem na boca pedaços de metal, como, por exemplo, o papel alumínio de um chocolate. O alumínio, com meio ácido da boca, provoca a transferência de elétrons para o metal da restauração, causando esse choque. Com base no fenômeno descrito, pode-se afirmar que o alumínio 
a) sofre redução, funcionando com cátodo. 
b) provoca a oxidação do metal da restauração. 
c) é o agente oxidante, pois sofre redução. 
d) é o agente redutor, pois sofre redução. 
e) sofre oxidação, funcionando como ânodo.


6) ACAFE 2013 - Sobre a eletroquímica, julgue os itens a seguir. 
I. Em uma cuba eletrolítica, no cátodo (polo positivo) ocorrem reações de redução. 
II. A eletrólise ígnea do cloreto de sódio produz Na e Cl2 (g). 
III. Em uma pilha, no cátodo ocorrem reações de oxidação e no ânodo reações de oxidação. 
IV. Em uma pilha o sentido da corrente elétrica (i) é do ânodo para o cátodo. 
Todas as afirmações corretas estão nos itens: 
A) III - IV 
B) II - III 
C) II - III - IV 
D) I - II


7) (Covest-2001) - As pilhas de níquel-cádmio, que viabilizaram o uso de telefones celulares e computadores portáteis, são baseadas na seguinte reação: 
Cd(s) + NiO2(s) + H2O(l) → Cd(OH)2(s) + Ni(OH)2(s). 
Considerando este processo, quantos mols de elétrons são produzidos por mol de cádmio consumido? 
a) 0,5. 
b) 1. 
c) 2. 
d) 3. 
e) 4.


8) (UFSC) - Uma pilha a combustível é um dispositivo eletroquímico no qual a reação de um combustível com oxigênio produz energia elétrica. Esse tipo de pilha tem por base as semi-reações apresentadas na tabela abaixo:
A figura a seguir mostra o esquema de uma pilha a combustível.
Adaptado de: MORTIMER, E. F; MACHADO, A. H. Química para o ensino médio. Vol. único. São Paulo: Scipione, 2002, p. 307. 
De acordo com as informações do enunciado e da figura acima, assinale a(s) proposição(ões) CORRETA(S)
01. O gás hidrogênio atua na pilha como agente oxidante. 
02. A diferença de potencial elétrico padrão da pilha é + 1,23 V. 
04. O oxigênio sofre redução. 
08. A obtenção de energia elétrica neste dispositivo é um processo espontâneo. 
16. A equação global da pilha no estado padrão é 2 H2 (g) + O2 (g) → 2 H2O(l). 
32. A diferença de potencial elétrico padrão da pilha é + 0,43 V.


9) FUVEST 2017 - Um estudante realizou um experimento para avaliar a reatividade dos metais Pb, Zn e Fe. Para isso, mergulhou, em separado, uma pequena placa de cada um desses metais em cada uma das soluções aquosas dos nitratos de chumbo, de zinco e de ferro. Com suas observa- ções, elaborou a seguinte tabela, em que (sim) significa formação de sólido sobre a placa e (não) significa nenhuma evidência dessa formação:
A seguir, montou três diferentes pilhas galvânicas, conforme esquematizado
Nessas três montagens, o conteúdo do béquer I era uma solução aquosa de CuSO4 de mesma concentração, e essa solução era renovada na construção de cada pilha. O eletrodo onde ocorria a redução (ganho de elétrons) era o formado pela placa de cobre mergulhada em CuSO4 (aq). Em cada uma das três pilhas, o estudante utilizou, no béquer II, uma placa de um dos metais X (Pb, Zn ou Fe), mergulhada na solução aquosa de seu respectivo nitrato. O estudante mediu a força eletromotriz das pilhas, obtendo os valores: 0,44 V; 0,75 V e 1,07 V. A atribuição correta desses valores de força eletromotriz a cada uma das pilhas, de acordo com a reatividade dos metais testados, deve ser


10) ENEM 2017 - A invenção do LED azul, que permite a geração de outras cores para compor a luz branca, permitiu a construção de lâmpadas energeticamente mais eficientes e mais duráveis do que as incandescentes e fluorescentes. Em um experimento de laboratório, pretende-se associar duas pilhas em série para acender um LED azul que requer 3,6 volts para o seu funcionamento. Considere as semirreações de redução e seus respectivos potenciais mostrados no quadro.
Qual associação em série de pilhas fornece diferença de potencial, nas condições-padrão, suficiente para acender o LED azul?